Knowledge Base: Mastersiga Consultoria

Mastersiga Consultoria ❱ TOTVS Linha ProtheusEstoque/Custos (SIGAEST)

SIGAEST - Roteiro para a realização da virada de saldos no estoque - MATA280

Dúvida:

Qual o processo para poder executar a rotina MATA280 - Virada de saldos no estoque de maneira correta e assertiva?

Ambiente:

Cross Segmento - TOTVS Backoffice (Linha Protheus) - Estoque/Custos - Todas as versões.

Solução:
1º. Passo - Verifique o conteúdo do parâmetro MV_ULMES

Verifique o conteúdo do parâmetro MV_ULMES, que informa a data do último fechamento de estoque realizado.
Esse parâmetro bloqueia a inclusão de movimentos nas tabelas SD1 – Itens do documento de entrada, SD2 – Itens do documento de saída e SD3 – Movimentos internos com datas iguais ou anteriores à data gravada em seu conteúdo.

Exemplo:

MV_ULMES = 20070101
Nesse exemplo, o último fechamento de estoque foi efetuado na data de 01/01/2007. Desta forma, o sistema não permite que sejam realizadas movimentações no estoque com data igual, ou anterior à 01/01/2007.

2º. Passo - Recálculo Custo de Entrada das mercadorias (verificar a necessidade) - MATA190

Verifique a necessidade de executar a rotina Custo de Entrada.

Essa rotina tem a finalidade de recalcular o custo de entrada das mercadorias registradas no recebimento de materiais. Execute-a sempre que algum parâmetro influencie na alteração do custo do produto, como por exemplo: alteração do TES, alíquotas, cálculo de tributos, crédito de impostos etc.
O cadastro de TES (Tipos de Entrada e Saída) é responsável pela correta classificação dos documentos fiscais de entrada e saída registrados no sistema.
Assim, se durante o período de fechamento do estoque ocorrer alguma alteração no cadastro de TES, efetue o processamento de cálculo da rotina Custo de Entrada. Caso contrário, não é necessária a execução desse passo.

3º. Passo - Inventário dos Produtos (verificar necessidade) - MATA270/MATA340
A forma adequada de corrigir diferenças nos saldos em estoque é por meio do inventário. Nessa forma de controle, é utilizada uma recontagem física de materiais, confrontando os resultados com os saldos fornecidos pelo Sistema.
Quando existir a necessidade de efetuar um "ajuste de inventário", deve-se digitar o valor da contagem (que é divergente no Inventário).
O campo Dt. Invent. (B2_DINVENT) armazena a data de digitação do inventário, utilizada nas rotinas Acerto de Inventário e Cálculo do Custo Médio.
Em seguida, para efetuar o ajuste do saldo em estoque, execute a rotina Acerto de Inventário.
Para o devido acerto de inventário, a data de seleção solicitada nos parâmetros da rotina, é sempre a mesma que a informada na digitação do inventário.

4º. Passo - Execute a rotina Refaz Saldos (verificar necessidade) - MATA300

A rotina Refaz Saldos tem como objetivo principal calcular e fornecer a posição do estoque mediante os movimentos do Sistema (notas fiscais de entrada e saída e movimentos internos no estoque).
Para cada item do estoque, o Sistema recalcula, em quantidade e valor, os saldos em estoque e os saldos iniciais.

5º. Passo - Recálculo do Custo Médio (procedimento obrigatório) - MATA330
(aviso) Antes de iniciar a execução da rotina de custo médio configure o parâmetro MV_DBLQMOV com a data de fechamento que vai ser realizado (ou seja, a data de fechamento atual a ser realizado). A finalidade desse parâmetro é não permitir que os usuários incluam movimentações dentro do período de fechamento de estoque.

O objetivo da rotina de Custo Médio é efetuar o recálculo do custo médio ou contábil a cada valorização dos estoques dos produtos, com base nas novas entradas de matérias-primas somadas aos saldos existentes.
Para tanto, execute a rotina Custo Médio, que permite recalcular o custo médio dos itens movimentados no estoque, em que a data limite final solicitada na configuração dos parâmetros é a mesma data da digitação do inventário ou a data utilizada no parâmetro da rotina Acerto de Inventário.

O custo médio pode ser recalculado de três formas diferentes:

Sequencial – na ordem em que os movimentos aconteceram.
Diária – pelos movimentos de cada dia.
Mensal – pelos movimentos do mês.

No reprocessamento do custo médio, são eliminados todos os lançamentos contábeis já realizados e gerados novamente.
No custo diário/mensal, o Sistema considera primeiro as entradas (compras) e depois as saídas do período.

6º. Passo - Procedimento de conferência dos resultados 
Antes de efetivar o fechamento do estoque no período e executar a Virada dos Saldos, é necessário emitir todos os relatórios de conferência do estoque, que possibilitam analisar a posição de estoque, verificar a movimentação diária dos produtos por meio do Kardex, visualizar por tipo de material todas as entradas e saídas do estoque, entre outros.

Exemplo: Impressão do relatório de posição de estoque (MATR260). Clique aqui e saiba mais sobre como parametrizar o relatório MATR260.

7º. Passo - Execute a rotina Virada dos Saldos (procedimento obrigatório) - MATA280
Para efetuar o fechamento do estoque no final do período, execute a rotina Virada dos Saldos.
Essa rotina faz com que os saldos finais, calculados pela rotina Recálculo do Custo Médio, sejam transferidos como saldo inicial da data informada no parâmetro "Data-base" para executar o fechamento.
Ao realizar a Virada dos Saldos, o Sistema atualiza os registros da tabela SB9 – Saldos Iniciais, que levarão os saldos iniciais para o próximo período, com o saldo final obtido no Recálculo do Custo Médio.
Além disso, atualiza o parâmetro MV_ULMES com a data informada para fechamento. Assim, não permitirá que sejam efetuadas movimentações no estoque com data menor ou igual à data do fechamento.


(ideia) Importante:

• É recomendável guardar uma cópia de segurança da base e do dicionário de dados (arquivos SXs), antes de iniciar o processo de fechamento do estoque.

• A data-base para o fechamento, solicitada no parâmetro da rotina, é a mesma do inventário e do custo médio gravado no parâmetro MV_ULMES.

• Relatório Saldo a Distribuir

Sempre se executa o relatório Saldo a Distribuir nessa rotina para verificar se na base de dados existe saldo pendente de distribuição. Para que não seja executado, o parâmetro MV_A280SDA deve ser configurado com o conteúdo F (False).

Este relatório somente verifica o saldo pendente de distribuição dentro do período de fechamento de estoque.

Observações:

No sistema não existe rotina padrão para se voltar um fechamento. A reabertura do estoque não é recomendada pois pode gerar custos incorretos na apropriação da OP, caso haja OP's em aberto. Existem formas para executar a reabertura do estoque, mas a responsabilidade pelo resultado final é do clienteÉ recomendável a alocação de analista TOTVS especialista em Estoque/Custos para execução de reabertura do estoque quando esta é necessária.


Updated on 05/08/2021

Was this article helpful?
We appreciate your review.